G1 > Rio Grande do Sul

    VÍDEOS: RBS Notícias de quinta-feira, 18 de abril

    VÍDEOS: RBS Notícias de quinta-feira, 18 de abril


    Assista aos vídeos do telejornal com notícias do Rio Grande do Sul. Assista aos vídeos do telejornal com notícias do Rio Grande do...


    Assista aos vídeos do telejornal com notícias do Rio Grande do Sul. Assista aos vídeos do telejornal com notícias do Rio Grande do Sul.
    Empresário preso em Estância Velha por crime ambiental vai para regime domiciliar, diz advogado

    Empresário preso em Estância Velha por crime ambiental vai para regime domiciliar, diz advogado


    Luiz Ruppenthal foi condenado a mais de 3 anos de prisão por crime ambiental que deixou 86 toneladas de peixes mortos no Rio dos Sinos, em 2006. Decisão é liminar. Engenheiro foi condenado pela mortandade de 86,2 toneladas de peixes no Rio dos...


    Luiz Ruppenthal foi condenado a mais de 3 anos de prisão por crime ambiental que deixou 86 toneladas de peixes mortos no Rio dos Sinos, em 2006. Decisão é liminar. Engenheiro foi condenado pela mortandade de 86,2 toneladas de peixes no Rio dos Sinos, em outubro de 2006 Ministério Público/divulgação O empresário Luiz Ruppenthal passou a a cumprir pena por crime ambiental em regime domiciliar, conforme confirmou seu advogado, Nereu Lima, ao G1 nesta quinta-feira (18). A decisão é liminar e foi publicada no domingo (14). Ruppenthal foi preso no último dia 11, em Estância Velha. Ele foi condenado a uma pena fixada em 3 anos, 7 meses e 15 dias em regime semiaberto, após recursos e extinção de punibilidade por dois crimes. Ele respondeu por crime ambiental, em 2006. Antes de sua prisão, era considerado foragido. Segundo Lima, após a prisão, o empresário foi levado a uma delegacia em São Leopoldo, onde aguardaria vaga para ser transferido ao presídio semiaberto. "Todavia, uma vez que a transferência não se concretizou e ele continuava na Delegacia de Polícia, na noite de domingo a defesa conseguiu ganhar uma liminar em habeas corpus que deferiu a prisão domiciliar ao sr. Luiz", diz o advogado. O caso é considerado a maior tragédia ambiental do estado. Em outubro de 2006, 86 toneladas de peixes mortos foram encontrados entre Portão e Sapucaia, no Rio dos Sinos. Na época, ele era engenheiro químico e diretor-presidente de uma empresa que tratava resíduos dos setores coureiro-calçadista, de alimentação, celulose e metalurgia. Segundo o Ministério Público, a unidade da companhia jogava produtos tóxicos diretamente nos arroios que deságuam no Rio do Sinos. O G1 entrou em contato com a Vara de Execuções Criminais, com o Tribunal de Justiça e com a Susepe e aguarda retorno.
    Encenação da Via Sacra altera trânsito em Porto Alegre nesta Sexta-Feira Santa

    Encenação da Via Sacra altera trânsito em Porto Alegre nesta Sexta-Feira Santa


    Ruas Vidal de Negreiros e Santo Alfredo ficam parcialmente bloqueadas para o evento. Linha de ônibus 344 - Santa Maria tem mudança no itinerário. Encenação da Via Sacra está na 60ª edição em Porto Alegre Brayan Martins/PMPA A encenação da...


    Ruas Vidal de Negreiros e Santo Alfredo ficam parcialmente bloqueadas para o evento. Linha de ônibus 344 - Santa Maria tem mudança no itinerário. Encenação da Via Sacra está na 60ª edição em Porto Alegre Brayan Martins/PMPA A encenação da Via Sacra em Porto Alegre, nesta Sexta-Feira Santa altera o trânsito na região onde o evento acontece, na Zona Leste da capital gaúcha. As ruas Vidal de Negreiros e Santo Alfredo ficarão parcialmente bloqueadas, e a linha de ônibus 344 - Santa Maria tem mudança no itinerário a partir das 7h. A apresentação começa às 14h30. A prefeitura informa que a linha 344 circula no sentido Centro-bairro pela rua Martins de Lima e, no sentido bairro-Centro, pelas ruas Clemente Pereira e Martins de Lima. O bloqueio parcial na Rua Vidal de Negreiros ocorre a partir da Saldanha da Gama. Já o da Santo Alfredo, a partir da 1º de Março. O evento está na 60ª edição e é celebrado no Morro da Cruz. Moradores da Zona Leste, agentes culturais e artistas irão encenar o auto de fé que conta os últimos momentos da vida de Jesus Cristo. Depois, será realizada a procissão em uma caminhada de mais de 1,5 km até o alto do morro, onde ocorre a crucificação e a ressurreição. A Via Sacra da Capital tem a mesma temática da Campanha da Fraternidade, proposta pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil para 2019: "Fraternidade e políticas públicas". Participam do espetáculo Aldacir Olibone, como "Jesus Cristo", Danny Griss, no papel de "Rei Herodes", Renata de Lélis, como "Salomé", Jairo Klein, interpretando "Pôncio Pilatos", o músico Eduardo Nascimento, convidado para o papel de "São Pedro", e Sirmar Antunes atua como narrador da encenação, entre outros profissionais e técnicos. Além da Brigada Militar, que faz segurança do evento e na região, haverá segurança particular, informa a prefeitura. Programação 14h30 - mensagem da paixão – interior da Igreja São José do Murialdo 15h30 - bênção da marcela e início da encenação em frente à igreja 16h30 - procissão – subida pela Rua Santo Alfredo 18h - crucificação e ressurreição – no alto do Morro Paixão de Cristo Classificação etária: livre Local: Morro da Cruz - Bairro Partenon Rua Vidal de Negreiros, 550, esquina Rua 1º de Março – Santuário São José de Murialdo Como chegar Ônibus Santa Maria - Linha 344 - ponto final no Centro Histórico, na Av. Salgado Filho, 122. Outras linhas de ônibus e lotação via Bento Gonçalves - descer na Estação Cristiano Fischer. Mais opções para a região: T-9 - ponto final na Rua Albion, em frente à Carris; T-2/T-4/T-11 - confluência da Av. Bento Gonçalves/Aparício Borges/Salvador França.
    Polícia Civil prende foragido com submetralhadora em Cachoeirinha

    Polícia Civil prende foragido com submetralhadora em Cachoeirinha


    Homem de 33 anos, com antecedentes por diversos crimes, foi localizado em uma residência da cidade da Região Metropolitana de Porto Alegre. Foragido do sistema penitenciário de Canoas foi localizado em Cachoeirinha, submetralhadora e pistola foram...


    Homem de 33 anos, com antecedentes por diversos crimes, foi localizado em uma residência da cidade da Região Metropolitana de Porto Alegre. Foragido do sistema penitenciário de Canoas foi localizado em Cachoeirinha, submetralhadora e pistola foram apreendidas Reprodução/Polícia Civil Um foragido da prisão considerado de alta periculosidade pela Polícia Civil foi preso em Cachoeirinha, Região Metropolitana de Porto Alegre, na madrugada desta quinta-feira (18). Com ele, a polícia localizou e apreendeu uma pistola 9mm de fabricação argentina e uma submetralhadora de fabricação americana, com suporte para silenciador. Procurado pela Polícia de Canoas, o preso tem 33 anos e antecedentes criminais por homicídios qualificados, roubos, roubos a estabelecimento comercial, tráfico de drogas e associação para tráfico, porte ilegal de arma e receptação. As investigações apontam ainda que ele estaria vinculado a roubos a bancos. Além das armas, foram apreendidos dois carregadores de calibre 9mm com capacidade para 40 munições e outras munições de diversos calibres. Submetralhadora de fabricação americana foi apreendida Reprodução/Polícia Civil
    Nova casa de acolhimento de Porto Alegre atenderá até 60 pessoas em situação de rua por dia

    Nova casa de acolhimento de Porto Alegre atenderá até 60 pessoas em situação de rua por dia


    Prefeitura anunciou mais uma casa, a ser inaugurada em maio. Acolhimento será executado por parceria da Fasc com associação. Pessoas em situação de rua recebem lanches, podem tomar banho, lavar roupas e têm encaminhamentos a serviços no Centro...


    Prefeitura anunciou mais uma casa, a ser inaugurada em maio. Acolhimento será executado por parceria da Fasc com associação. Pessoas em situação de rua recebem lanches, podem tomar banho, lavar roupas e têm encaminhamentos a serviços no Centro POP 1 Joel Vargas/PMPA A Prefeitura de Porto Alegre inaugurou nesta quinta-feira (18) uma nova casa de acolhimento para pessoas em situação de rua, com capacidade para 60 atendimentos por dia. O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua - Centro POP 1 será administrado em uma parceria da Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc) com a Associação Cultural e Beneficente Ilê Mulher. A casa funciona todos os dias, inclusive feriados e fins de semana, das 8h às 12h e das 13h às 17h, na Avenida João Pessoa, 2384, bairro Santana. Segundo a prefeitura, é a segunda casa nesse modelo inaugurada neste ano, e uma terceira deve ser aberta em maio. No total, devem ser atendidas 220 pessoas. Os Centros POP oferecem atendimento social, com equipe multidisciplinar, para adultos, idosos e famílias, com alternativas de enfrentamento à situação de rua e oferecendo encaminhamentos à rede de serviços. Os locais têm sala de lazer, biblioteca e espaço para receber famílias, além de oficinas. Os usuários também recebem lanche, podem tomar banho e lavar roupas. “Este projeto é a cara de Porto Alegre. Aqui se inicia uma nova etapa para o atendimento à população de rua. Queremos que as pessoas se sintam em casa”, observa a presidente da Fasc, Vera Ponzio. Parceria e economia Segundo a prefeitura, a parceria com a entidade privada irá permitir a ampliação dos serviços de atendimento e economia de recursos públicos. Duas unidades que eram administradas somente pela Fasc tinham orçamento de mais de R$ 3,5 milhões por ano. Já com a parceria, as três casas terão despesas de R$ 2,6 milhões por ano. “Estamos contratando entidades que têm vocação para este atendimento. As pessoas acolhidas nestes espaços recebem auxílio para que possam caminhar com as próprias pernas”, afirma o prefeito da Capital, Nelson Marchezan Júnior. Givanildo Oliveira Neves é uma das pessoas atendidas pelo Centro POP. Com o auxílio da equipe, ele conseguiu um emprego. “Hoje estou bem, graças a esta casa. Voltei a ser uma pessoa digna”, diz ele, que sonha em retornar para o seu estado de origem, Santa Catarina.
    Motorista morre atropelado ao deixar carro com pane mecânica na BR-116 em Canoas

    Motorista morre atropelado ao deixar carro com pane mecânica na BR-116 em Canoas


    Por volta do meio-dia, homem parou na faixa da direita da rodovia quando o veículo apresentou problemas. Logo depois do atropelamento, outro veículo bateu no que estava parado. Motorista morre atropelado após deixar carro com pane mecânica na...


    Por volta do meio-dia, homem parou na faixa da direita da rodovia quando o veículo apresentou problemas. Logo depois do atropelamento, outro veículo bateu no que estava parado. Motorista morre atropelado após deixar carro com pane mecânica na BR-116 em Canoas Um homem morreu atropelado na BR-116, por volta do meio-dia, em Canoas, na Região Metropolitana. O acidente aconteceu no quilômetro 267, no sentido interior-capital. Ele havia parado o carro na pista da direita da rodovia por causa de uma pane mecânica. O homem desceu do carro e foi atropelado. Logo depois, outro veículo bateu no carro que já estava parado. As informações são da Polícia Rodoviária Federal. Mais cedo, também em Canoas, houve um engavetamento no viaduto La Salle com cinco veículos na mesma rodovia, o que causou congestionamento. Engavetamento com cinco veículos no viaduto La Salle em Canoas PRF/Divulgação
    Polícia analisa denúncias e faz buscas a suspeitos de matar pai e filho em relojoaria de Estância Velha

    Polícia analisa denúncias e faz buscas a suspeitos de matar pai e filho em relojoaria de Estância Velha


    Mandados de busca e apreensão foram cumpridos na última segunda-feira (15). Polícia diz que recebeu dezenas de pistas e que tem 'uma linha de investigação bastante consolidada.' Polícia divulga imagens dos suspeitos para tentar...


    Mandados de busca e apreensão foram cumpridos na última segunda-feira (15). Polícia diz que recebeu dezenas de pistas e que tem 'uma linha de investigação bastante consolidada.' Polícia divulga imagens dos suspeitos para tentar identificá-los Polícia Civil/divulgação A polícia continua as buscas aos suspeitos do assalto a uma relojoaria de Estância Velha, que terminou com a morte de pai e filho no dia 10 de abril. Conforme o delegado regional Eduardo Hartz, diversas denúncias e imagens foram analisadas. Ele afirma que "a Polícia Civil possui uma linha de investigação bastante consolidada", mas ainda não divulga mais detalhes. As vítimas, Leomar Jacó Canova, de 55 anos, e Luis Fernando Canova, de 35, trabalhavam no estabelecimento. O delegado de Estância Velha, Clóvis Nei, que é responsável pelo caso, informou que se trata de latrocínio, que é roubo seguido de morte. A dupla de assaltantes, que foi flagrada pelas câmeras de segurança da relojoaria, fugiu após o crime. O delegado Hartz diz que os suspeitos ainda não foram identificados, mas operações já são realizadas com base nas informações que a polícia reuniu. Na última segunda-feira (15), foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, porém nenhum material foi apreendido. Cerca de 20 pessoas já foram ouvidas na delegacia. Além disso, dois veículos encontrados após o crime foram apreendidos e periciados. A polícia confirma que um deles, o Honda City, foi usado no assalto. Vídeo mostra assalto As imagens captadas pelas câmeras de segurança (assista abaixo) mostram um homem armado que obriga duas funcionárias a colocarem objetos dentro de uma sacola. Outro assaltante aparece em seguida, também armado, saindo dos fundos do estabelecimento, onde fica uma oficina de reparos. Logo atrás dele estão pai e filho, que são atingidos pelos disparos. O G1 editou o vídeo e congelou a imagem antes do o assaltante disparar contra as vítimas. A polícia divulgou as imagens dos suspeitos para que denúncias ajudem na localização deles. Imagens de câmeras registram assalto a relojoaria em Estância Velha
    Avião da Base Aérea de Santa Maria tem princípio de incêndio durante manutenção de rotina

    Avião da Base Aérea de Santa Maria tem princípio de incêndio durante manutenção de rotina


    Problema ocorreu em área isolada, construída especificamente para esse tipo de teste, de acordo com a FAB. Incidente aconteceu durante um procedimento de testes, nesta quarta (17). Aeronave da Base de Santa Maria teve uma falha mecânica durante...


    Problema ocorreu em área isolada, construída especificamente para esse tipo de teste, de acordo com a FAB. Incidente aconteceu durante um procedimento de testes, nesta quarta (17). Aeronave da Base de Santa Maria teve uma falha mecânica durante manutenção de rotina Base Aérea de Santa Maria/Divulgação Um avião Caça AMX A-1M, da Força Aérea Brasileira, teve um princípio de incêndio na parte traseira, na Base de Santa Maria, Região Central do Rio Grande do Sul. O motivo foi uma falha mecânica. O incidente aconteceu no fim da tarde de quarta (17) durante procedimento de manutenção de rotina, onde eram realizados testes de parâmetros no motor. Em nota, a Base Aérea de Santa Maria - Ala 4 -, informou que todos procedimentos de precaução foram adotados para que o fogo não voltasse a ocorrer e a aeronave está agora sendo reparada para retornar a sua atividade de voo normal. O Coronel Aviador Elison Montagner, que é Comandante da Ala 4, ressaltou que esse tipo de manutenção ocorre frequentemente. "O avião passa por diversas checagens antes de ser liberado para voar. Isso acontece de tempos em tempos." O problema ocorreu em área isolada, construída especificamente para esse tipo de teste. Os procedimentos de segurança se mostraram adequados e os danos materiais foram os menores possíveis, ainda segundo a nota. A equipe de manutenção que trabalhava na avião não sofreu ferimentos.
    Cinco estabelecimentos são autuados por vender produtos sem condições para consumo em Palmares do Sul

    Cinco estabelecimentos são autuados por vender produtos sem condições para consumo em Palmares do Sul


    Força tarefa do Programa de Segurança Alimentar do MP RS encontraram produtos sem procedência, vencidos, armazenados fora da temperatura padrão e mofados. Além disso, os locais apresentavam falta de higiene. Cinco lojas foram autuadas por vender...


    Força tarefa do Programa de Segurança Alimentar do MP RS encontraram produtos sem procedência, vencidos, armazenados fora da temperatura padrão e mofados. Além disso, os locais apresentavam falta de higiene. Cinco lojas foram autuadas por vender produtos impróprios para o consumo em Palmares do Sul MP RS/Divulgação Agentes da Força-Tarefa do Programa Segurança Alimentar autuaram, nesta quarta-feira (17) cinco estabelecimentos por venderem alimentos impróprio para consumo. Foi em Palmares do Sul, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Pouco mais de uma tonelada de produtos sem condições de consumo foi descartada. As irregularidades encontrados pelos agentes foram pescados sem procedência, produtos vencidos e armazenados em temperatura fora do padrão, além de falta de higiene e comercialização de produtos mofados. Agentes encontraram vários problemas de higiene nos locais MP RS/Divulgação Produtos eram armazenados de forma irregular MP RS/Divulgação
    Carro invade calçada na Orla do Guaíba em Porto Alegre

    Carro invade calçada na Orla do Guaíba em Porto Alegre


    É a segunda ocorrência em dois dias. Segundo a EPTC, houve apenas danos materiais. Carro invade calçadão na orla do Guaíba EPTC/Divulgação Pelo segundo dia seguido, a Empresa Pública de Transporte e Circulação atendeu ocorrência de carro...


    É a segunda ocorrência em dois dias. Segundo a EPTC, houve apenas danos materiais. Carro invade calçadão na orla do Guaíba EPTC/Divulgação Pelo segundo dia seguido, a Empresa Pública de Transporte e Circulação atendeu ocorrência de carro que saiu da pista e invadiu a calçada na orla do Guaíba, no bairro Ipanema, em Porto Alegre. Na manhã desta quinta-feira (18), o acidente, apenas com danos materiais, envolveu um Meriva, que parou entre o calçadão e a areia. Conforme a EPTC, o veículo se acidentou na Avenida Guaíba, perto da Avenida Osvaldo Gonçalves Cruz, e já foi retirado do local. Também de acordo com a empresa, havia duas pessoas no carro. O condutor não tinha sinais de embriaguez e estava com a Carteira Nacional de Habilitação e outros documentos em dia. Na quarta-feira (17), outro veículo caiu na orla, também no bairro Ipanema. Esse primeiro acidente ocorreu a cerca de oito quadras do segundo. O motorista seguia pela Rua Déa Coufal e, ao tentar entrar na Avenida Guaíba, não conseguiu fazer a curva à esquerda. O carro chegou até a água. Motorista invadiu orla e caiu no Guaíba. Giancarlo Barzi/RBS TV
    'Mordaça', diz Marco Aurélio sobre decisão do STF de tirar reportagens do ar

    'Mordaça', diz Marco Aurélio sobre decisão do STF de tirar reportagens do ar


    Ministro da Corte comentou à Rádio Gaúcha a decisão do colega Alexandre de Moraes sobre textos da revista 'Crusoé' e do site 'O Antagonista'. Marco Aurélio Mello, em sessão no Supremo Tribunal Federal no início de abril deste ano Nelson...


    Ministro da Corte comentou à Rádio Gaúcha a decisão do colega Alexandre de Moraes sobre textos da revista 'Crusoé' e do site 'O Antagonista'. Marco Aurélio Mello, em sessão no Supremo Tribunal Federal no início de abril deste ano Nelson Jr./SCO/STF O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), voltou a criticar em entrevista à Rádio Gaúcha, nesta quinta-feira (18), a decisão do colega Alexandre de Moraes, que determinou a retirada de conteúdo dos sites da "Crusoé" e de "O Antagonista". "Mordaça, mordaça. Isso não se coaduna com os ares democráticos da Constituição de 1988. Não temos saudade de um regime pretérito. Não me lembro, nem no regime pretérito, que foi um regime de exceção, coisas assim, tão violentas como foi essa. Agora o ministro deve evoluir, deve afastar, evidentemente, esse crivo que ele implementou", afirmou Marco Aurélio. Na última terça-feira (16), o ministro já havia dito à TV Globo que houve "censura" e retrocesso" na decisão. Marco Aurélio vê 'censura' e 'retrocesso' em decisão do STF Alexandre de Moraes decidiu sobre a questão porque é relator de um inquérito aberto no mês passado para apurar notícias fraudulentas que possam ferir a honra dos ministros ou vazamentos de informações sobre integrantes da Corte. Entenda o inquérito do Supremo que investiga ameaças à Corte À Rádio Gaúcha, Marco Aurélio disse que "não cabia a instauração de inquérito pelo Supremo". "Cabia sim, se fosse o caso, se fosse o Ministério Público, que é quem atua como 'estado acusador'. O Supremo é um 'estado julgador', principalmente julgador. Ele só deve atuar mediante provocação." O ministro disse que os colegas precisam "tirar o pé do acelerador. Precisam ter menos autoestima. Tem que observar, e observar com rigor, a lei das leis que é a Constituição Federal". Para Marco Aurélio, o STF está em crise. "Numa crise muito séria, mas instituições estão sedimentadas, elas são instituições fortes e devemos sair dessa crise, que cada qual faça a sua parte. Isso é importante na vida pública brasileira. E faça com fidelidade de propósitos". Questionado se há risco de o STF seguir pelo caminho da mordaça, o ministro negou. "Eu penso que o convencimento da maioria é no sentido oposto que informou o Alexandre de Moraes. Ele deve estar convencido disso. Por isso, eu aguardo um recuo." Alexandre de Moraes, em sessão no STF em março deste ano Carlos Moura/SCO/STF Decisão sobre revista e site O ministro Alexandre de Moraes determinou na última segunda-feira (15) que o site "O Antagonista" e a revista "Crusoé" retirem do ar reportagens e notas que citam José Dias Toffoli, presidente do Supremo. Moraes estipulou multa diária de R$ 100 mil e mandou a Polícia Federal ouvir os responsáveis do site e da revista em até 72 horas. Segundo reportagem, a defesa do empresário Marcelo Odebrecht juntou em um dos processos contra ele na Justiça Federal em Curitiba um documento no qual esclareceu que um personagem mencionado em e-mail, o "amigo do amigo do meu pai", era Dias Toffoli, que, à época, era advogado-geral da União. O diretor da revista "Crusoé", Rodrigo Rangel, disse que "reitera o teor da reportagem, baseada em documento”. Ministro Dias Toffoli fala sobre a liberdade de expressão Em palestra em São Paulo, nesta quarta-feira (17), Dias Toffoli afirmou que a liberdade de expressão não pode servir à alimentação do ódio. O presidente do Supremo disse que os limites da liberdade de expressão estão na própria Constituição. "A liberdade de expressão não pode servir à alimentação do ódio. Sem uma imprensa livre, não há democracia, mas tem que ser dentro dos parâmetros da Constituição", disse durante palestra em evento na Congregação Israelita Paulista. O ministro citou como exemplo decisão do próprio Supremo contra a publicação de um livro de conteúdo antissemita, em 2004. “A liberdade de expressão não é absoluta. No caso, a liberdade de expressão foi afastada em nome dos princípios da dignidade da pessoa humana e da igualdade jurídica.” Initial plugin text
    Incêndio destrói depósito de ferragem no bairro Agronomia em Porto Alegre

    Incêndio destrói depósito de ferragem no bairro Agronomia em Porto Alegre


    Fogo teria inciado por volta das 7h30 desta manhã. Ninguém ficou ferido. Incêndio destrói depósito no bairro Agronomia, em Porto Alegre, e ninguém fica ferido O depósito de uma ferragem ficou completamente destruída na manhã desta...


    Fogo teria inciado por volta das 7h30 desta manhã. Ninguém ficou ferido. Incêndio destrói depósito no bairro Agronomia, em Porto Alegre, e ninguém fica ferido O depósito de uma ferragem ficou completamente destruída na manhã desta quinta-feira (18). A estrutura de madeira que fica na rua Dolores Duran, no bairro Agronomia, em Porto Alegre, foi atingida pelo fogo por volta das 7h30. De acordo com o 1º Tenente do Corpo de Bombeiros da Capital, Jerri Adriano Ramos, o local tinha cerca de 20 metros quadrados. Foram necessárias duas viaturas para fazer o trabalho de rescaldo no local. Um vizinho que mora próximo ao local contou que logo que o fogo começou tinha muito barulho de telhas estourando. As causas do incêndio ainda não são conhecidas. Prédio da ferragem ficou totalmente destruído em Porto Alegre Luis Magnário/Arquivo Pessoal
    Homem é preso por suspeita de estuprar enteada de 10 anos em Ametista do Sul

    Homem é preso por suspeita de estuprar enteada de 10 anos em Ametista do Sul


    Denúncia foi feita pela mãe da menina e pelo Conselho Tutelar. Segundo a polícia, homem abusava da criança há mais de um ano. Homem, de 48 anos, foi preso preventivamente. Polícia Civil/Divulgação Um homem, de 48 anos, foi preso...


    Denúncia foi feita pela mãe da menina e pelo Conselho Tutelar. Segundo a polícia, homem abusava da criança há mais de um ano. Homem, de 48 anos, foi preso preventivamente. Polícia Civil/Divulgação Um homem, de 48 anos, foi preso preventivamente por suspeita de estuprar a enteada, de 10 anos, em Ametista do Sul, no Norte do Rio Grande do Sul. A denúncia foi feita pela mãe da menina e pelo Conselho Tutelar, de acordo com a delegada Aline Dequi Palma. "A mãe desconfiou depois que a filha fez algumas queixas de dores. Ela levou a menina ao hospital e a médica alertou de prováveis abusos sexuais". A menina foi hospitalizada para a realização de exames e atendimento psicológico. Segundo a polícia, a menina disse aos familiares que o padrasto abusava dela há mais de um ano. "No hospital, ela contou à irmã que o suspeito fazia ameaças para que ela não contasse para ninguém sobre os abusos". Ao ser preso, o homem negou a acusação. Segundo a delegada, ele não tem antecedentes criminais, ou outras denúncias de abusos sexuais. Ele foi levado ao presídio de Frederico Westphalen e vai responder por abuso de vulnerável.
    Bebê de quatro meses e mulher ficam feridos após ataque a tiros que matou homem em Portão

    Bebê de quatro meses e mulher ficam feridos após ataque a tiros que matou homem em Portão


    Polícia acredita que a vítima tenha sido executada. Motivo seria a disputa pelo tráfico de drogas na região. Polícia acredita que o homem tenha sido executado. Polícia Civil/Divulgação Um homem, 39 anos, morreu durante um ataque a tiros, em...


    Polícia acredita que a vítima tenha sido executada. Motivo seria a disputa pelo tráfico de drogas na região. Polícia acredita que o homem tenha sido executado. Polícia Civil/Divulgação Um homem, 39 anos, morreu durante um ataque a tiros, em Portão, no Vale do Sinos. De acordo com o delegado Ayrton Figueiredo Martins Júnior, uma mulher e um bebê de quatro meses ficaram feridos. A polícia acredita que o homem tenha sido executado. "Seria motivado por disputa no tráfico de drogas", disse o delegado. A família havia estacionado o veículo num local de intensa movimentação, no Centro da cidade, quando dois homens, numa moto, se aproximaram. Segundo a polícia, os suspeitos dispararam diversas vezes. No local, foram encontrados um carregador de pistola e 13 cartuchos deflagrados. O homem, que era natural de Caçapava do Sul, morreu no local. Ele morava em Portão e tinha antecedentes criminais por tráfico de drogas e associação para o tráfico, segundo o delegado. O homem estava em liberdade condicional desde outubro do ano passado.
    Motorista com carteira de habilitação cassada é preso pela quarta vez por dirigir embriagado em Vacaria

    Motorista com carteira de habilitação cassada é preso pela quarta vez por dirigir embriagado em Vacaria


    Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, o homem acumula mais de 20 infrações de trânsito. Teste do etilômetro acusou mais do que o dobro do índice considerado crime. Homem já havia sido preso quatro vezes por dirigir...


    Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, o homem acumula mais de 20 infrações de trânsito. Teste do etilômetro acusou mais do que o dobro do índice considerado crime. Homem já havia sido preso quatro vezes por dirigir embriagado. Polícia Rodoviária Federal/Divulgação Um homem, de 59 anos, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal por dirigir embriagado, na BR-116, próximo do perímetro urbano, em Vacaria, na Serra do Rio Grande do Sul. Essa é a quarta vez que ele é preso pelo mesmo motivo. De acordo com os policiais, na tarde de quarta-feira (17), ao abordar a caminhonete Ford/Ranger, com placas de Vacaria, eles perceberam que o motorista apresentava sinais visíveis de embriaguez. O teste do etilômetro acusou 0,83 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, mais do que o dobro do índice considerado crime pelo Código de Trânsito Brasileiro. Segundo informações da PRF, o homem, que estava com a CNH cassada, já foi preso quatro vezes por dirigir embriagado e acumula mais de 20 infrações de trânsito. O homem pagou fiança de R$ 3.500 e vai responder em liberdade.
    Carro roubado capota durante fuga em avenida de Porto Alegre

    Carro roubado capota durante fuga em avenida de Porto Alegre


    Motorista conseguiu escapar em outro veículo. No porta-malas, foram encontradas bagagens. Motorista conseguiu fugir em outro veículo. Nilton Alves/Arquivo Pessoal Um carro capotou, na madrugada desta quinta-feira (18), na Avenida Protásio Alves,...


    Motorista conseguiu escapar em outro veículo. No porta-malas, foram encontradas bagagens. Motorista conseguiu fugir em outro veículo. Nilton Alves/Arquivo Pessoal Um carro capotou, na madrugada desta quinta-feira (18), na Avenida Protásio Alves, próximo da Avenida Carlos Gomes, em Porto Alegre. Segundo informações da Brigada Militar, o Prisma branco, que teria sido roubado, capotou durante a fuga, por volta 7h. O motorista conseguiu escapar em um outro veículo. No carro que capotou, foram encontradas bagagens no porta-malas. Parte da via está bloqueada para a retirada do veiculo. A EPTC, Brigada Militar e Guarda Municipal estão no local.
    Aeroporto Salgado Filho tem operações de partida suspensas por falta de visibilidade

    Aeroporto Salgado Filho tem operações de partida suspensas por falta de visibilidade


    Segundo informações da Fraport, foram registrados atrasos em quatro voos de chegada e 19 de partida, entre 5h28 e 8h33, quando as operações voltaram ao normal. Voos de partida estão temporariamente suspensos no aeroporto. Giovani Grizotti/RBS...


    Segundo informações da Fraport, foram registrados atrasos em quatro voos de chegada e 19 de partida, entre 5h28 e 8h33, quando as operações voltaram ao normal. Voos de partida estão temporariamente suspensos no aeroporto. Giovani Grizotti/RBS TV O Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, teve as operações de partida suspensas às 5h50 desta quinta-feira (18). Segundo informações da Fraport, empresa alemã que administra o aeroporto, a visibilidade foi prejudicada por causa da neblina. O aeroporto voltou a operar normalmente às 8h33. Em nota, a Fraport informou que, por volta das 5h28, o aeroporto começou a operar por instrumentos. Entre 5h50 e 6h40, com visibilidade de menos de 100 metros, as operações de pouso e decolagem foram suspensas pela Torre de Controle. Foram registrados atrasos em quatro voos de chegada e 19 de partida. Operações para voos de partida foram suspensas às 5h50. Estêvão Pires/RBS TV
    Acidente envolvendo dois carros deixa duas pessoas feridas em Porto Alegre

    Acidente envolvendo dois carros deixa duas pessoas feridas em Porto Alegre


    Colisão aconteceu na esquina das avenidas Ipiranga e Erico Veríssimo, no bairro Azenha. Um dos carros chegou a bater em um poste e o outro atingiu uma estação de aluguel de bicicletas. Acidente entre dois carros deixa feridos em Porto Alegre na...


    Colisão aconteceu na esquina das avenidas Ipiranga e Erico Veríssimo, no bairro Azenha. Um dos carros chegou a bater em um poste e o outro atingiu uma estação de aluguel de bicicletas. Acidente entre dois carros deixa feridos em Porto Alegre na manhã desta quinta-feira (18) Duas pessoas ficaram feridas em um acidente de trânsito entre dois veículos, na madrugada desta quinta-feira (18), em Porto Alegre. Um dos carros chegou a bater em um poste e o outro atingiu uma estação de aluguel de bicicletas. A colisão aconteceu na esquina das avenidas Ipiranga e Erico Veríssimo, no bairro Azenha. O motivo do acidente ainda é investigado. Os dois feridos foram levados para atendimento no Hospital de Pronto Socorro. Acidente aconteceu na esquina das avenidas Ipiranga e Erico Veríssimo. Reprodução/RBS TV

    Detran anuncia curso de reciclagem para motoristas profissionais que tenham habilitação suspensa no RS


    Portaria com regulamentação da nova regra e datas ainda será publicada. Motorista que tiver entre 14 e 19 pontos, e que exerça função profissional ao volante, terá que passar por curso para manter a habilitação. Motoristas poderão fazer curso...

    Portaria com regulamentação da nova regra e datas ainda será publicada. Motorista que tiver entre 14 e 19 pontos, e que exerça função profissional ao volante, terá que passar por curso para manter a habilitação. Motoristas poderão fazer curso de reciclagem antes de ter a CNH cassada O Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran-RS) vai adotar uma medida para evitar que motoristas profissionais fiquem sem trabalhar caso tenham a habilitação suspensa por atingirem 20 pontos na carteira. Eles poderão passar por curso de reciclagem se tiverem de 14 a 19 pontos. Uma portaria com a regulamentação e os prazos para implantação ainda será publicada. Atualmente, a carteira de habilitação é suspensa automaticamente por seis meses quando o condutor atinge 20 pontos. Com a mudança, será possível passar por uma reciclagem preventiva. Assim, não precisarão trabalhar enquanto ficarem com a habilitação suspensa e poderão zerar a pontuação. "É muito complicado o motorista profissional que depende do seu trabalho pra sustentar a si próprio, a filhos, esposa, escola, o dia a dia, ter cassado o seu instrumento de trabalho, como a carteira de motorista, principalmente se for por pontuação, que muitas vezes são quatro ou cinco multas leves, médias, e nenhuma gravíssima", explica o diretor-geral do Detran-RS, Enio Bacci. Bacci lembra que a Justiça tem dado liminares para motoristas que passem por essa situação, para que possam seguir trabalhando enquanto o processo corre. Segundo o Detran, a alternativa somente poderá ser utilizada para condutores das categorias C (veículos de carga), D (veículos de transporte de passageiros) e E (veículo conjugado) que possuem a inscrição “exerce atividade remunerada” no verso da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O Sindicato dos Centros de Formação de Condutores do RS (SindiCFC) não vê problema em antecipar a reciclagem. "Os instrutores são formados pelas universidades do estado e todos os CFCs estão preparados pra receber essa demanda a partir do momento que o Detran nos autorizar", diz o presidente da entidade, Vilnei Pinheiro Sessim. O motorista Marcelo Brum, que trabalha para uma empresa, já teve a carteira cassada por causa de multas que recebeu. "Multa até de estar no 'carga e descarga'. Tenho ajudante que trabalha comigo, ele vai fazer entrega e fico parado no carro levei duas multas nem vi o azulzinho”, conta.
    VÍDEOS: RBS Notícias de quarta-feira, 17 de abril

    VÍDEOS: RBS Notícias de quarta-feira, 17 de abril


    Assista ao telejornal com notícias do Rio Grande do Sul. Assista ao telejornal com notícias do Rio Grande do...


    Assista ao telejornal com notícias do Rio Grande do Sul. Assista ao telejornal com notícias do Rio Grande do Sul.
    Servidor registra ocorrência afirmando ter sido agredido com relho por vereador em Passo do Sobrado

    Servidor registra ocorrência afirmando ter sido agredido com relho por vereador em Passo do Sobrado


    Dentista do município afirma que gravava vídeo com celular quando sofreu os golpes. Político não quis se manifestar, e Câmara diz em nota que providências estão sendo tomadas para esclarecer os fatos. Servidor do município de Passo do Sobrado...


    Dentista do município afirma que gravava vídeo com celular quando sofreu os golpes. Político não quis se manifestar, e Câmara diz em nota que providências estão sendo tomadas para esclarecer os fatos. Servidor do município de Passo do Sobrado afirma ter sido agredido por vereador Arquivo pessoal Um funcionário público de Passo de Sobrado, no Vale do Rio Pardo, interior do Rio Grande do Sul, registrou ocorrência, afirmando à polícia que foi agredido pelo vereador Valdir Pacheco (PTB) com golpes de relho – espécie de chicote com tiras de couro. O autor da queixa, que atua na rede municipal de saúde, afirma que gravava um vídeo com o telefone celular quando sofreu as agressões, na manhã de terça-feira (16). Ele disse ter pedido socorro para as pessoas que estavam no posto de atendimento, e só então as agressões pararam. "Ele foi para o posto de saúde armado com o relho. Simplesmente tirou as mãos das calças, até achei que era uma arma de fogo, pelo gesto dele, e começou a me agredir. Tive que ter sangue frio de não revidar", disse o servidor, que pediu para não ser identificado. A RBS TV procurou o vereador, mas segundo os colegas, na quarta-feira ele não foi trabalhar. À noite, ele disse, por meio de uma secretária da Câmara, que não concederia entrevista, e que só se manifestará sobre o caso no processo. A Câmara de Vereadores de Passo do Sobrado divulgou uma nota, na qual afirma que repudia qualquer forma de agressão, se solidariza com o servidor e diz que providências estão sendo tomadas para esclarecer os fatos (veja a nota abaixo). Marcas de golpes nas costas e no braço do dentista agredido em Passo do Sobrado Arquivo pessoal Nota da Câmara Nota da Câmara Municipal de Passo do Sobrado Ronaldo Daros/RBS TV
    Homem é preso em Santa Maria por suspeita de tentar matar irmão colocando líquido na traqueostomia

    Homem é preso em Santa Maria por suspeita de tentar matar irmão colocando líquido na traqueostomia


    Justiça mandou prender preventivamente o suspeito, de 52 anos, investigado pela tentativa de homicídio. Irmão tem paralisia cerebral e vive acamado. Polícia suspeita de motivação econômica. Razão para crime seria econômica, diz delegado....


    Justiça mandou prender preventivamente o suspeito, de 52 anos, investigado pela tentativa de homicídio. Irmão tem paralisia cerebral e vive acamado. Polícia suspeita de motivação econômica. Razão para crime seria econômica, diz delegado. Homem teria colocado líquido na traqueostomia de irmão, em Santa Maria Divulgação/Polícia Civil Um homem de 52 anos foi preso nesta quarta-feira (17) por suspeita de tentar matar o irmão colocando um líquido que seria café no orifício de traqueostomia dele, em um hospital de Santa Maria, Região Central do Rio Grande do Sul. Ele era investigado pelo crime, cometido em 20 de março desde ano. Conforme o delegado Gabriel Zanella, a Justiça determinou a prisão preventiva contra o suspeito pelo crime de tentativa de homicídio. Como explica a Polícia Civil, a vítima, de 40 anos, é o único irmão do suspeito. Tem paralisia cerebral severa e vive acamado, sem falar e andar. Estava hospitalizado quando o suspeito teria colocado substância líquida, possivelmente café com leite, no orifício de traqueostomia, no dia 20 de março. Ao notar a piora do estado de saúde do homem, o hospital comunicou a Polícia Civil, que passou a investigá-lo. O preso foi encaminhado à Penitenciária Estadual de Santa Maria. Segundo o delegado, ele negou envolvimento no crime, que teria razões econômicas como possível motivação. Zanella diz que não pode dar mais detalhes para não atrapalhar as investigações. O delegado aguarda resultado de laudos para concluir o inquérito. A vítima, que já recebeu alta hospitalar, foi imediatamente socorrida pela equipe de saúde do hospital, diz a polícia.
    Fiscalização é reforçada nas estradas do RS durante feriadão de Páscoa

    Fiscalização é reforçada nas estradas do RS durante feriadão de Páscoa


    Operação Viagem Segura vai de quinta (18) a domingo (21). Levantamento do Detran-RS aponta média de 6,76 mortes por dia no período, entre 2007 e 2018. Freeway é a principal ligação da Capital e Região Metropolitana com litorais gaúcho e...


    Operação Viagem Segura vai de quinta (18) a domingo (21). Levantamento do Detran-RS aponta média de 6,76 mortes por dia no período, entre 2007 e 2018. Freeway é a principal ligação da Capital e Região Metropolitana com litorais gaúcho e catarinense Rafael Lenz/RBS TV A Operação Viagem Segura de Páscoa reforça a fiscalização nas estradas do Rio Grande do Sul de quinta-feira (18) a domingo (21). Em Porto Alegre, também haverá blitz da Balada Segura, em parceria com a EPTC, Brigada Militar e Polícia Civil. O objetivo é evitar acidentes e retirar de circulação motoristas que estejam alcoolizados ou com situação irregular. Conforme levantamento do Detran-RS, a média é de 6,76 mortes por dia nos feriados de Páscoa entre 2007 e 2018. No ano passado, foram 19 vítimas durante os quatro dias, sendo que oito morreram até 30 dias após os acidentes. Uma análise da média geral dos acidentes, segundo o Detran, aponta que 66% das vítimas perderam a vida em acidentes que ocorreram nas rodovias e 34%, nas vias municipais. Faz sete anos que a Operação Viagem Segura é realizada no Rio Grande do Sul, sendo a do feriadão de Páscoa a 101ª edição. Nas 100 edições anteriores, a operação somou mais de 5,5 milhões de veículos fiscalizados e 244,3 mil testes de etilômetro aplicados. Foram registradas mais de um milhão de infrações, das quais mais de 20 mil autuações foram por embriaguez, incluindo as recusas ao teste do bafômetro. A fiscalização também recolheu 94 mil veículos e 26,4 mil carteiras de habilitação irregulares. Participam da ação Polícia Rodoviária Federal, Brigada Militar e Comando Rodoviário da BM, Detran-RS e Polícia Civil. Também colabora a EPTC, na Capital, ANTT, DNIT, Cetran/RS, Daer, EGR, Famurs, além de representantes da sociedade civil organizada. Uso do cinco de segurança nos ônibus Na rodoviária de Porto Alegre, agentes da EPTC vão focar na orientação sobre a obrigatoriedade do uso do cinto de segurança também pelos passageiros dos ônibus. A ação está marcada para ocorrer das 9h às 10 nesta quinta-feira (18).
    Incêndio em prédio deixa mãe e filho de 5 anos feridos em Passo Fundo

    Incêndio em prédio deixa mãe e filho de 5 anos feridos em Passo Fundo


    Mulher foi internada em estado grave no Hospital São Vicente de Paulo, e menino recebeu alta. Fogo teve início no começo da tarde, no terceiro andar de um prédio. Incêndio em apartamento de Passo Fundo, no norte do Estado, deixa dois feridos Um...


    Mulher foi internada em estado grave no Hospital São Vicente de Paulo, e menino recebeu alta. Fogo teve início no começo da tarde, no terceiro andar de um prédio. Incêndio em apartamento de Passo Fundo, no norte do Estado, deixa dois feridos Um incêndio em um prédio causou ferimentos em uma mulher de 36 anos e no filho dela, de 5 anos, na tarde desta quarta-feira (17) em Passo Fundo, no Norte do Rio Grande do Sul. A mãe foi internada em estado grave no Hospital São Vicente de Paulo, e o menino recebeu alta no mesmo dia. Na noite de quarta-feira, ela seguia sedada e aguardando leito na UTI. Testemunhas relataram que o fogo teve início no começo da tarde, no terceiro andar da construção, na Rua Joaquim Nabuco, bairro Jerônimo Coelho. Daiane Cristina de Lima conseguiu sair de casa com o menino. As chamas se alastraram, e rapidamente consumiram os dois apartamentos do andar. O outro imóvel estava vazio. Outras pessoas que também estavam no prédio deixaram o local sair sem ferimentos. Quando os bombeiros chegaram, a mãe já havia deixado o prédio, segundo afirma o capitão Estevan Pagliarin. "Tinha uma criança pequena que a princípio só inalou fumaça, e o trabalho foi composto por um combate ofensivo, que é quando a gente entra na edificação. Tivemos acesso, o fogo a princípio começou no acesso principal e foi o fundo do apartamento. Então, a gente teve que ir acompanhando o fogo e extinguir até a última peça, mas não se espalhou pros outros andares", relata o oficial. Incêndio atingiu apartamento e deixou dois feridos em Passo Fundo Reprodução/RBS TV
    Veja o que abre e o que fecha no feriado de Páscoa em Porto Alegre

    Veja o que abre e o que fecha no feriado de Páscoa em Porto Alegre


    Bancos não abrem no feriado de Sexta-Feira Santa, assim como alguns supermercados. Confira também alguns serviços estaduais. Porto Alegre vista do Guaíba Maria Ana Krack/PMPA O feriadão de Páscoa pode alterar o funcionamento de alguns serviços...


    Bancos não abrem no feriado de Sexta-Feira Santa, assim como alguns supermercados. Confira também alguns serviços estaduais. Porto Alegre vista do Guaíba Maria Ana Krack/PMPA O feriadão de Páscoa pode alterar o funcionamento de alguns serviços em Porto Alegre. Na Sexta-feira Santa, bancos não abrem, assim como alguns supermercados. No comércio, cada estabelecimento decide sobre seus horários. O G1 listou alguns serviços, entre eles municipais e estaduais, e como eles irão funcionar durante o feriadão. Confira: Supermercados - o funcionamento segue a convenção coletiva de trabalho municipal, podendo variar de cidade para cidade. Veja os horários de funcionamento de alguns estabelecimentos da Capital: Zaffari e Bourbon sexta: as lojas de São Leopoldo e Passo Fundo não abrem. As demais abrem às 9h. O horário de fechamento varia de 20h a 22h. Confira aqui. sábado: operação normal. domingo: lojas de Passo Fundo não abrem, e o Hipermercado Bourbon Novo Hamburgo funciona em horário reduzido, das 8h às 14h. As demais lojas abrem às 9h e fecham entre 20h e 22h. Veja aqui. O Wallmart funciona normalmente no sábado. Na sexta e no domingo, os horários variam. Veja abaixo: Nacional Praia de Belas sexta: 9h às 21h domingo: 9h às 21h Nacional Bela Vista sexta: 8h às 21h domingo: 8h às 21h Nacional Cidade Baixa sexta: 8h às 21h domingo: 8h às 21h Nacional Gomes de Freitas sexta: 8h às 20h domingo: 8h às 20h Nacional Jd Leopoldina sexta: 8h às 20h domingo: 8h às 20h Nacional Santana sexta: 8h às 21h domingo: 8h às 21h Nacional Menino Deus sexta: 9h às 21h domingo: 9h às 21h Nacional Teresópolis sexta: 8h30 às 21h domingo: 8h30 às 21h Big Cristal sexta: 8h às 23h domingo: 9h às 22h Big Zona Sul sexta: 8h às 22h domingo: 9h às 21h Maxxi Sarandi sexta: 8h às 18h domingo: 9h às 15h Maxxi Humaitá sexta: 9h às 15h domingo: 9h às 15h Bancos - a Federação Brasileira de Bancos informa que não haverá atendimento nas agências na sexta-feira. A população poderá usar os canais alternativos de atendimento para realizar as operações bancárias - como mobile e internet banking, caixas eletrônicos, banco por telefone e correspondentes. As contas de consumo (água, luz, telefone e TV a cabo, por exemplo) e carnês com vencimento marcado para essa data poderão ser pagos no próximo dia útil (22) sem multa. Clientes também podem agendar o pagamento das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos próprios caixas automáticos. Já os boletos bancários de clientes cadastrados como sacados eletrônicos poderão ser agendados ou pagos via DDA (Débito Direto Autorizado). Comércio - o comércio da Capital poderá atender com colaboradores na sexta. As lojas devem observar a Convenção Coletiva de Trabalho do setor, firmada entre o Sindilojas Porto Alegre e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Porto Alegre (Sindec). Quinta e sábado (20) são considerados dias normais de trabalho. O horário de abertura de cada loja pode ser verificado diretamente nos locais. Cada lojista é responsável pelo horário de funcionamento do seu negócio. CEIC - o Centro Integrado de Comando da Cidade de Porto Alegre (Ceic) opera 24 horas por dia. O videomonitoramento, por meio de mais de mil câmeras, acompanha a mobilidade urbana e a segurança pública, além dos serviços de saúde e limpeza urbana. O Ceic também opera no atendimento a situações de risco e emergência. Guarda Municipal - a equipe do Programa Segurança Integrada estará em parques e praças. A vigilância fixa e motorizada atenderá escolas, postos de saúde, secretarias e prédios municipais além do plantão, na sede do Ceic. A Central de Operações da Guarda Municipal atenderá 24 horas pelo telefone 3289-7031. Defesa Civil - o Gabinete de Defesa Civil de Porto Alegre mantém plantão 24 horas nos telefones 199 e 3268-9026 para atendimento de urgências e emergências em situação de risco. Ônibus na Capital - na sexta, os ônibus circulam com tabela de feriado (equivalente aos domingos). No sábado e domingo, com tabela de fim de semana. A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) atende pelo telefone 156 (24h) para informações sobre trânsito e transporte. Outras informações podem ser conferidas nos sites da EPTC ou PoaTransporte. Ônibus circulam com tabela de feriado na sexta Divulgação/EPTC Táxis - circulam com bandeira 2 na sexta. Bloqueios em Porto Alegre - na Sexta-Feira Santa será celebrada a 60ª edição da Via Sacra no Morro da Cruz. A Rua Vidal de Negreiros ficará parcialmente bloqueada (a partir da Rua Saldanha da Gama). A linha 344 - Santa Maria, a partir de 7h, circula no sentido Centro-bairro pela Rua Martins de Lima e, no sentido bairro-Centro, pelas ruas Clemente Pereira e Martins de Lima. A Rua Santo Alfredo fica parcialmente bloqueada a partir da Rua 1º de Março. Trem - a Trensurb informa que, na sexta-feira, será usada a tabela de domingos e feriados. No sábado e no domingo, permanecem as tabelas normais desses dias. Saúde - os prontos-atendimentos e hospitais do município - Pronto Socorro (HPS) e Materno Infantil Presidente Vargas (HMIPV) - permanecerão abertos 24 horas para atender a população. Na sexta, as unidades de saúde e farmácias distritais estarão fechadas, retomando normalmente o atendimento segunda, a partir das 7h. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) pode ser acionado pelo telefone 192. Prontos-atendimentos 24 horas PA Cruzeiro do Sul (Rua Professor Manoel Lobato, 151, Santa Tereza) PA Bom Jesus (Rua Bom Jesus, 410, Bom Jesus) PA Lomba do Pinheiro (Estrada João de Oliveira Remião, 5120, parada 12, Lomba do Pinheiro) PA de Saúde Mental IAPI (Rua Valentim Vicentini, s/nº) UPA Zona Norte Moacyr Scliar (Rua Jerônimo Velmonovitz, esquina com Avenida Assis Brasil) Hospitais Hospital de Pronto Socorro (Largo Teodoro Herzl, s/nº, bairro Bom Fim) Hospital Materno Infantil Presidente Vargas - emergências obstétrica e pediátrica (Avenida Independência, 661) Limpeza Urbana - o Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) trabalha normalmente com todas as coletas durante o feriado: domiciliar, seletiva e de lixo público. As seções operacionais atuam em regime de plantão, com equipes das 7h às 12h. O DMLU atende pelo telefone 156. Linha Turismo - na sexta, o passeio do City Tour Linha Turismo - Centro Histórico funcionará das 9h às 16h. O valor do ticket é de R$ 30 e pode ser adquirido no Centro de Informação Turística (CIT) do Terminal Linha Turismo, que atende das 8h30 às 17h30, na Travessa do Carmo, 84, bairro Cidade Baixa. Outras informações podem ser conferidas pelo telefone (51) 3289-6765 ou pelo facebook. Ônibus da Linha Turismo, em Porto Alegre Samuel Maciel/Divulgação, PMPA Mercado Público - fica aberto na sexta, das 7h30 às 13h e no sábado, das 7h30 às 18h30. Fecha no domingo. Reabre na segunda, às 7h30. Procon - na sexta, informações, reclamações e denúncias poem ser feitas pela internet, utilizando o banner Atendimento Eletrônico do site do Procon. Serviços estaduais Farmácia de Medicamentos Especiais Endereço: Av. Borges de Medeiros, 546 – Centro Histórico, Porto Alegre Telefone: (51) 3901-1000 quinta: 8h às 12h sexta-feira: fechada Hemocentro Endereço: Av. Bento Gonçalves, 3.722, bairro Partenon, Porto Alegre Telefone: (51) 3901-1004 quinta: 8h às 12h sexta: fechado TudoFácil Mais informações: site TudoFácil quinta: 8h às 12h sexta: estarão fechadas as três unidades (Centro, Zona Norte e Zona Sul na Capital) Agências FGTAS/Sine quinta: 8h às 12h sexta: estarão fechadas em todo o estado, incluindo a sede administrativa na avenida Borges de Medeiros, 521, assim como a Casa do Artesão (Av. Júlio de Castilhos, 144, bairro Centro Histórico) e o Vida Centro Humanístico (Av. Baltazar de Oliveira Garcia, 2.132) CEEE - em caso de falta de energia, pode ser enviado torpedo para o número 27307 com a palavra LUZ e mais o número da instalação (que consta da fatura). No site da CEEE estão disponíveis os demais serviços oferecidos aos clientes. quinta: agências com atendimento normal sexta: agências estarão fechadas, funcionando apenas o atendimento 24 horas pelo telefone 0800 721-2333 Corsan quinta: 8h às 12h sexta: plantão 24 horas pelo telefone 0800 646-6444, para casos de emergência ou problemas operacionais, como falta de água ou esgoto. A Central de Atendimento recebe ligações gratuitas, inclusive de celular. Mais informações no site da Corsan. Ceasa quinta: 13h às 19h sexta: fechada sábado: somente a central das flores, das 7h às 12h domingo: fechada Ceasa, em Porto Alegre Reprodução/RBS TV Centro Estadual de Treinamento Esportivo (Cete) quinta Complexo (incluindo ginásios e quadras): 7h às 22h Pista de atletismo: 7h às 13h e 15h às 21h30 sexta Complexo: 7h às 22h Ginásios: não haverá atividades Pista de atletismo: 7h às 13h e 15h às 21h30 sábado Administração: plantão até as 12 h Complexo: 7h às 22h Ginásios e quadras: funcionam somente com agendamento prévio Pista de atletismo: 7h às 13h domingo Complexo: 7h às 20h Ginásios e quadras: funcionam somente com agendamento prévio Pista de atletismo: fechada Cultura Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs) sexta (19) a domingo (21) funcionamento normal, das 10h às 19h Casa de Cultura Mario Quintana sexta (19) a domingo (21), das 12h às 21h Casa de Cultura Mário Quintana Andressa Moreira/Arquivo Palácio Piratini Memorial do Rio Grande do Sul sexta (19) a domingo (21), das 13h às 17h Museu Julio de Castilhos sexta (19) a domingo (21), das 10h às 17h Biblioteca Pública do Estado quinta-feira (18): 8h às 12h Sexta (19) a domingo (21): fechada Museu da Comunicação Hipólito José da Costa quinta-feira (18): 9h às 12h sexta-feira (19): fechado sábado (20): 9h às 18h domingo (21): fechado Ospa domingo: recital da Série Música de Câmara, às 16h (entrada franca); no programa, Mozart, Carl Maria von Weber e Liduíno Pitombeira; apresentação do Quinteto para Clarinete e Cordas Local: auditorium Tasso Corrêa do Instituto de Artes da Ufrgs (Rua Senhor dos Passos, 248 - Centro Histórico, Porto Alegre) Theatro São Pedro "Guri de Uruguaiana", quinta, sexta e sábado, às 21h. Domingo, às 18h.
    Dupla suspeita de vender medicamentos abortivos é presa no Centro de Porto Alegre

    Dupla suspeita de vender medicamentos abortivos é presa no Centro de Porto Alegre


    Policial simulou estar grávida e negociou a compra do abortivo com os dois homens. Com eles, foram apreendidos mais de 200 comprimidos. Suspeitos de vender medicamentos abortivos são presos em Porto Alegre Dois homens foram presos em flagrante por...


    Policial simulou estar grávida e negociou a compra do abortivo com os dois homens. Com eles, foram apreendidos mais de 200 comprimidos. Suspeitos de vender medicamentos abortivos são presos em Porto Alegre Dois homens foram presos em flagrante por venderem medicamentos abortivos no Centro Popular de Compras de Porto Alegre, Pop Center, nesta quarta-feira (17). A Polícia Civil chegou até eles por meio de denúncias. A dupla foi monitorada durante um mês. Pela manhã, uma policial, que simulou estar grávida, se passou por uma cliente e disse aos suspeitos que tinha interesse em realizar um aborto. A ação foi registrada com uma câmera escondida. Delegado fala sobre prisão de dois homens que vendiam medicamentos abortivos na Capital Segundo o delegado Juliano Ferreira, os homens orientavam as mulheres que, após ingerir os comprimidos, deveriam se deslocar até o hospital e, em caso de sangramento intenso, alegar aos médicos que estavam sofrendo um aborto espontâneo. Dois homens foram presos em flagrante pela venda de medicamentos abortivos Polícia Civil/divulgação A polícia informou que foram apreendidos mais de 200 comprimidos de medicamentos abortivos. "Eles foram autuados por crime contra a saúde pública, sujeitos a 15 anos de prisão", explica Ferreira. O delegado acredita que outras pessoas possam estar envolvidas na venda de abortivos no camelódromo de Porto Alegre. O monitoramento no local segue, em busca de novos suspeitos, inclusive em outras áreas da cidade. Em nota, o Pop Center diz que não compactua com a atitude e "espera que os responsáveis sejam devidamente punidos". Leia a nota completa abaixo. Mais de 200 comprimidos foram apreendidos pela polícia Polícia Civil/divulgação Nota do Pop Center A administração do Pop Center nunca compactuou com os problemas herdados pela rua, que vieram junto com estas pessoas. O nosso trabalho é justamente o contrário: desenvolver o empreendedorismo e o trabalho legal. Infelizmente, alguns não seguem essa conduta. Esperamos que os responsáveis sejam devidamente punidos e que estas práticas inadmissíveis não venham a se repetir. O Pop Center possui, na verdade, diversas ações positivas para propagar a real imagem do nosso Centro de Compras, como a atual Feira do Livro, que acontece até o dia 28 de abril, com livros ao preço único de R$ 10. São mais de 30 mil exemplares disponíveis para quem passar pela passarela do centro de compras, entre os blocos A e B, tornando a literatura mais acessível para a população. Além disso, o Pop Center promove o Pop Saber, duas “casinhas” com livros gratuitos que podem ser lidos no próprio local ou levados para casa pelos frequentadores. Acontece desde o segundo semestre de 2018 e visa estimular a leitura e facilitar o acesso aos livros pelo compartilhamento e doação dos itens. Todos os exemplos do projeto são doações e levam o carimbo de venda proibida. Por fim, como prova da proatividade da administração, o projeto de Residência Artística do Pop Center (dezembro de 2018), com a curadoria do francês Franck Marlot, foi o grande vencedor de artes plásticas do Prêmio Açorianos de Artes Plásticas 2019, na Categoria Destaques em Ações de Difusão e Inovação. Estas ações, sim, representam a administração do nosso Pop Center e as condutas que temos como princípio ético e que buscamos promover diariamente neste espaço.
    Governo do RS anuncia Geraldo Sandri como novo presidente da Emater

    Governo do RS anuncia Geraldo Sandri como novo presidente da Emater


    Vanderlan Vasconselos é o diretor administrativo da instituição. Eles foram escolhidos pelos servidores em assembleia geral, e assumiram os cargos já nesta quarta-feira. Eduardo Leite cumprimenta Sandri, novo presidente da Emater, no Palácio...


    Vanderlan Vasconselos é o diretor administrativo da instituição. Eles foram escolhidos pelos servidores em assembleia geral, e assumiram os cargos já nesta quarta-feira. Eduardo Leite cumprimenta Sandri, novo presidente da Emater, no Palácio Piratini Itamar Aguiar / Palácio Piratini O governo do Rio Grande do Sul anunciou na tarde desta quarta-feira (17) que Geraldo Sandri é o novo presidente da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater). Vanderlan Vasconselos é o diretor administrativo. Os dois assumiram os cargos já nesta quarta. A nova diretoria foi escolhida pelos servidores da instituição, em assembleia geral. Sandri é mestre em Administração e trabalhou por 30 anos no Banco do Brasil, tendo comandado por 15 anos educação corporativa da UniBB, a universidade da instituição. Também foi vereador e candidato a prefeito de São Marcos, na Serra gaúcha, onde nasceu. O novo presidente estipulou quatro prioridades para a Emater: eficiência, eficácia, economicidade e valorização. "Vamos investir em tecnologia, para melhorar a gestão dos recursos sem abrir mão da qualidade dos serviços prestados", disse Sandri Formado e pós-graduado em Direito, Vasconselos foi superintendente de Portos e Hidrovias, diretor-administrativo das Centrais de Abastecimento do Rio Grande do Sul (Ceasa-RS) e prefeito e vereador de Esteio, na Região Metropolitana de Porto Alegre. "Acredito que temos todas as condições para exercermos uma ótima gestão pelos próximos quatro anos", disse. O governador Eduardo Leite afirma que a expectativa com a nova diretoria é alta. "A extensão rural é importantíssima para o nosso governo, pelo trabalho que faz para que agricultores consigam se qualificar e fazer um uso eficaz e sustentável de suas terras. Ao mesmo tempo, é preciso fazer mais com menos, já que o estado passa por uma crise fiscal", afirmou o governador Eduardo Leite. O secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho, reforçou que a escolha da diretoria levou em conta perfis técnicos, pelo conhecimento em extensão rural, com respaldo político, já que ambos tiveram experiências em cargos públicos.
    Homem é preso pela 10ª vez por suspeita de violência contra ex-companheira em Canoas

    Homem é preso pela 10ª vez por suspeita de violência contra ex-companheira em Canoas


    Polícia Civil afirma que há mais de 50 registros de ocorrência contra ele, desde 2007. Prisão foi feita durante a Operação Marias, que tem como objetivo combater agressões contra mulheres. Segundo a polícia, desde 2007 há mais de 50 registros...


    Polícia Civil afirma que há mais de 50 registros de ocorrência contra ele, desde 2007. Prisão foi feita durante a Operação Marias, que tem como objetivo combater agressões contra mulheres. Segundo a polícia, desde 2007 há mais de 50 registros de violência doméstica contra suspeito preso em Canoas Divulgação/Polícia Civil Um homem de 53 anos foi preso nesta terça-feira (16) por descumprir medida protetiva de urgência em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Foi a 10ª prisão preventiva dele por suspeita de violência contra a ex-companheira, segundo informou a Polícia Civil. A prisão foi feita pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, como parte da Operação Marias, que tem como objetivo prender suspeitos de agressões contra mulheres. A polícia afirma que há mais de 50 registros de ocorrência contra o suspeito, desde 2007. "De lá para cá, várias ações foram tomadas, muitas representações pela prisão preventiva foram feitas. Cada vez que ocorrer um crime, a Polícia Civil vai atuar, e se entender que há risco, novamente vamos representar", diz a delegada Clarissa Demartini, titular da Delegacia da Mulher de Canoas. A primeira prisão aconteceu em 2010. A partir de 2014, o homem passou a abordar familiares da ex-companheira, e uma irmã dela começou a fazer registros também. A delegacia planeja acompanhar o caso de perto. Clarissa afirma que são raros os casos onde a violência continua mesmo depois de várias prisões cautelares. "Não envolve somente responsabilização criminal, mas também é uma questão social", aponta. O delegado regional de Canoas, Mario Souza, exaltou a ação. "O enfrentamento à violência doméstica é prioridade da nossa gestão, e o resultado disso são os elevados números de prisões realizadas pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Canoas", disse.
    Jornal do Almoço de Pelotas lança quadro sobre direitos e deveres no trânsito; participe

    Jornal do Almoço de Pelotas lança quadro sobre direitos e deveres no trânsito; participe


    Você pode mandar imagens de desrespeito às leis de trânsito usando a #JANósNoTrânsito ou através do VC no G1. Quadro novo do JA de Pelotas sobre o trânsito da cidade RBS TV/Divulgação O jornal do Almoço de Pelotas, na Região Sul do estado,...


    Você pode mandar imagens de desrespeito às leis de trânsito usando a #JANósNoTrânsito ou através do VC no G1. Quadro novo do JA de Pelotas sobre o trânsito da cidade RBS TV/Divulgação O jornal do Almoço de Pelotas, na Região Sul do estado, quer a tua ajuda para fazer o novo quadro do programa: 'Nós no trânsito'. O quadro vai mostrar os problemas enfrentados por cada uma das pessoas da mobilidade do município: ciclistas, motoristas e pedestres, a partir das percepções de cada um deles. A proposta do JA é discutir as leis do Código a cada 15 dias, com reportagens e entrevistas com especialistas no estúdio. Se você estiver na rua como pedestre ou no carro como carona, e flagrar cenas de irresponsabilidade no trânsito, acertos e de bons exemplos, poste nas redes socais o vídeo com a #JANósNoTrânsito ou mande através do Vc no G1.
    Casal que já adotou menino de Guiné-Bissau faz campanha para trazer irmã dele ao RS

    Casal que já adotou menino de Guiné-Bissau faz campanha para trazer irmã dele ao RS


    Processo jurídico de adoção internacional chega a R$ 30 mil. Deisi Scherer é professora e conheceu o filho adotivo Abel em trabalho voluntário que realizou com o marido no país africano em 2016. Casal de voluntários do RS adota menino de Guiné...


    Processo jurídico de adoção internacional chega a R$ 30 mil. Deisi Scherer é professora e conheceu o filho adotivo Abel em trabalho voluntário que realizou com o marido no país africano em 2016. Casal de voluntários do RS adota menino de Guiné Bissau, e quer trazer sua irmã Um casal de Ivoti, cidade distante cerca de uma hora de Porto Alegre, faz campanha na internet para aumentar a família. Deisi e Fernando Scherer já adotaram um menino de Guiné-Bissau e agora querem trazer a irmã biológica dele ao Rio Grande do Sul. Para isso, precisam entrar com processo internacional de adoção, que pode custar R$ 30 mil. Os dois conheceram as crianças quando fizeram trabalhos voluntários no país africano. Ele atua na construção de casas e escolas. Deisi, que é professora, participa de um projeto de formação de professores na Guiné-Bissau. Eles tiveram a ideia de adotar Abel na segunda viagem ao país. "O Abel vinha em volta, olhava o que a gente fazendo e logo a gente começou a brincar, se olhar. Deu uma conexão diferente das outras crianças", lembra Fernando, que é industriário. Na primeira vez que eles foram para o país, em 2014, fizeram um empréstimo de três anos. "Quando fomos de novo, em 2016, o empréstimo nem estava pago", conta Deisi. Então, os dois fizeram ações para conseguir recursos. Casal de Ivoti adotou menino de Guiné-Bissau e tenta trazer irmã dele ao RS Arquivo Pessoal O casal já estava na fila de adoção no Brasil, mas ainda não havia sido chamado. Decididos a adotar Abel, que na época tinha cinco anos de idade, Deisi e Fernando foram atrás de ajuda para contratar um advogado de Guiné-Bissau e para arcar com os custos de documentos e passagens aéreas. Eles juntaram as economias que tinham, e amigos contribuíram com uma quantia que completou o valor necessário. Além disso, Fernando saiu do emprego e sacou o Fundo de Garantia. "Aconteceu alguma coisa que eu não sei bem explicar, que nos ligou. Ou já estávamos ligados de algum jeito. Foi a melhor viagem da vida, poder ter conhecido o Abel e ter tido esse encontro", diz Deisi. Fernando conta que o menino até disse que gostaria que ele fosse seu pai. "Virou para mim e falou em crioulo, que é a língua que ele falava, que gostaria que eu fosse o pai dele. Na hora eu suei muito. Tentei não botar para fora para não dar esperança para ele." Quando estiveram na África pela última vez, para trazer Abel, Deisi e Fernando conheceram uma irmã biológica dele, a Djariatu, chamada por eles de Dja. Nesses quase dois anos que o menino está no Brasil, a família adotiva mantém contato com familiares dele na Guiné. E os pais da menina disseram que gostariam que ela também fosse adotada. "Às vezes a gente pensa que as pessoas que liberam seus filhos para adoção não amam, mas eu não vejo isso na família do Abel. Eu vejo o quanto eles amam. E porque eles amam, querem uma história diferente do que a Guiné pode proporcionar", diz Deisi. Grande parte do país vive com muita pobreza, sem energia elétrica nem água tratada. Abel se adaptou bem a Ivoti. Estuda e já aprendeu a ler e a escrever. Em um vídeo que a família gravou para a campanha para adotar Dja, o menino pede ajuda (veja abaixo): "A gente pede por favor. Pode nos ajudar, pessoal que está assistindo a esse vídeo, a adotar a minha irmã, Dja?" Deisi e Fernando são casados há 12 anos. Desde que começaram a namorar, falavam em adoção.
    Comunidade se mobiliza para ajudar  criança com atrofia muscular espinhal em Canguçu

    Comunidade se mobiliza para ajudar criança com atrofia muscular espinhal em Canguçu


    Menino de apenas um ano e nove meses foi diagnosticado há cerca de duas semanas. Doença rara afeta neurônios da medula espinhal e do tronco cerebral, limitando os movimentos do corpo. Cada dose do medicamento custa mais de R$ 300 mil. Moradores de...


    Menino de apenas um ano e nove meses foi diagnosticado há cerca de duas semanas. Doença rara afeta neurônios da medula espinhal e do tronco cerebral, limitando os movimentos do corpo. Cada dose do medicamento custa mais de R$ 300 mil. Moradores de Canguçu se mobilizam para realizar tratamento médico de menino de 1 ano Uma onda de solidariedade tomou conta de Canguçu, na Região Sul do estado. Moradores se mobilizam para ajudar a comprar remédios para Diogo, um menino de apenas um ano e nove meses, que foi diagnosticado com atrofia muscular espinhal (AME) há cerca de duas semanas. A doença rara afeta neurônios da medula espinhal e do tronco cerebral, limitando os movimentos do corpo. De origem genética, ela não tem cura e avança com o passar do tempo. Atualmente, o único medicamento capaz de atrasar o desenvolvimento da atrofia é vendido apenas nos Estados Unidos. "Claro, depende de cada indivíduo, mas pelos estudos que foram feitos, demostrou que houve eficácia em pelo menos 40% dos casos de investigação", explica o médico Leandro Janeli. Mas cada dose do medicamento custa mais de R$ 300 mil, dinheiro que a família do Diogo não tem. "Quando a gente começou a investigar, na internet, e ver o que era, o que poderia acontecer, quais os tipos de tratamento, a gente ficou sabendo que tinha tratamento, deu um certo alívio. Mas depois de saber que não se conseguia no Brasil, foi tudo apertando, assim, o coração da gente", desabafa a mãe de Diogo, Darleni Zarnot. A notícia da doença se espalhou pela cidade, e a família se surpreendeu com o número de pessoas dispostas a ajudar o filho caçula a arrecadar dinheiro para comprar as seis doses, que são para o primeiro ano de tratamento. "Nós queremos fazer uma campanha, queremos fazer um costelão ou um almoço. Tudo em benefício do Diogo. Aí, montaram um grupo, tem gente doando cavalo crioulo. Tem gente doando animais para fazer um leilão virtual", conta o pai de Diogo, Edison Zarnot. Erick torce pela recuperação do irmão Diogo Reprodução/RBS TV A campanha pela saúde do menino começou na semana passada pelas redes sociais. Em muitas lojas, cartazes foram colocados para chamar a atenção para a iniciativa. Em outros lugares, uma caixinha foi colocada em cima do balcão para o pessoal fazer as suas doações. "Um mocinho canguçuense, um cidadão riograndense e brasileiro. Então, a gente precisa ajudar. É nesse momento que o povo se une, o brasileiro sempre acolhe quando a gente pede", conta o gerente de loja Otto Penning. Por onde a família passa, todos querem saber como está o pequeno, beijar e abraçar. Gestos de carinho por alguém que já começa cedo a lutar pela vida. "A gente pegou um amor por essa família, que são batalhadores, e eu estou nessa causa, eu sou canguçuense e vou fazer de tudo", afirma a professora Monica Zurchimitten. Muitas das pessoas que estenderam a mão são desconhecidas e até mesmo de fora do Rio Grande do Sul. "Então, graças a Deus, amizade é o que não nos falta, e agora a gente está vendo, Deus é grande", afirma a mãe de Diogo. Nos últimos 10 anos, quase 900 pessoas morreram no Rio Grande do Sul por causa da doença, segundo a Secretaria Estadual da Saúde. "[Com a doença] não se consegue executar funções motoras adequadamente, e isso vai evoluindo, disartria, disfagia, ou seja, dificuldade para deglutição, e eventualmente, como o paciente não tem as mesmas defesas que nós temos, como defesa de tosse, pode acabar obtendo infecção respiratória e essa é a causa de morte da maioria dos casos dos pacientes", acrescenta o médico. A família entrou com um pedido na Justiça para que o remédio seja fornecido pelo Sistema Único de Saúde, mas ainda não saiu uma decisão. Enquanto isso, Diogo faz fisioterapia, pois existe uma esperança de que no futuro ele possa recuperar um pouco do movimento das pernas. Este é o sonho do irmão dele, Erick Zarnot, de 10 anos. "Muito legal. Eu nunca soube que minha mãe, meu pai, tinha tanta amizade. [Espero] que ele caminhe e jogue bola comigo", deseja Erick.
    VÍDEOS: Bom Dia Rio Grande de quarta-feira, 17 de abril

    VÍDEOS: Bom Dia Rio Grande de quarta-feira, 17 de abril


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Rio Grande do Sul. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Rio Grande do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Rio Grande do Sul. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Rio Grande do Sul.
    Motorista sem carteira de habilitação morre em acidente na RSC-453, em Caxias do Sul

    Motorista sem carteira de habilitação morre em acidente na RSC-453, em Caxias do Sul


    Vítima, de 28 anos, dirigia um veículo com placas de Caxias do Sul quando bateu contra uma caminhonete na Rota do Sol. O outro motorista, de 64 anos, envolvido na colisão, estava com a CNH vencida. Acidente aconteceu no quilômetro 166 da Rota do...


    Vítima, de 28 anos, dirigia um veículo com placas de Caxias do Sul quando bateu contra uma caminhonete na Rota do Sol. O outro motorista, de 64 anos, envolvido na colisão, estava com a CNH vencida. Acidente aconteceu no quilômetro 166 da Rota do Sol Mauro Teixeira/Grupo RSCOM Um homem, de 28 anos, morreu em um acidente de trânsito na RSC-453, na localidade de Vila Seca, em Caxias do Sul, na Serra do Rio Grande do Sul, na tarde de terça-feira (16). Segundo informações do Comando Rodoviário da Brigada Militar, a vítima, que não tinha carteira de habilitação, morreu no local. Ele dirigia um veículo, com placas de Caxias do Sul, quando bateu contra uma caminhonete, por volta das 15h30, na Rota do Sol. O motorista da caminhonete, de 64 anos, estava com a carteira de habilitação vencida há mais de 30 dias, segundo os policiais. O homem foi levado para o Hospital Pompéia, em Caxias do Sul. De acordo com o CRBM, os dois veículos, que estavam com licenciamentos vencidos, foram levados para o Detran. A Polícia Civil de Caxias do Sul vai investigar o caso. Motorista do carro morreu no local. Mauro Teixeira/Grupo RSCOM
    Alimentos vencidos são encontrados em escolas do município de Mostardas

    Alimentos vencidos são encontrados em escolas do município de Mostardas


    Ações foram realizadas após denúncias de que produtos fora do prazo de validade estavam sendo utilizados na merenda escolar. Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o caso. Prefeitura abriu processo de sindicância investigatória....


    Ações foram realizadas após denúncias de que produtos fora do prazo de validade estavam sendo utilizados na merenda escolar. Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o caso. Prefeitura abriu processo de sindicância investigatória. Alimentos vencidos foram encontrados em escolas de Mostardas Polícia Civil/divulgação A Polícia Civil, em ação conjunta com a Vigilância Sanitária Municipal e vereadores de Mostardas, encontrou na terça-feira (16) diversos alimentos vencidos em escolas do município, que fica localizado no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Conforme o delegado André Lorbiecki Roese, as ações foram realizadas após denúncias de que produtos fora do prazo de validade estavam sendo utilizados na merenda escolar. "Alguns dos alimentos possuíam prazo de validade de maio de 2018", afirmou o delegado. Vereadores ficaram sabendo da situação por causa de uma ata que foi feita por funcionários de uma das escolas, relatando que a merenda estava fora do prazo de validade. A Polícia Civil e a Vigilância Sanitária foram então acionadas. As autoridades encontraram arroz vencido desde o início do mês e achocolatado vencido em janeiro. De acordo com a polícia, outros produtos estavam sem a data de validade, ou a informação estava apagada, como no caso da maionese. O depósito da Secretaria Municipal de Educação também foi vistoriado. A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o caso. Em nota, a Prefeitura de Mostardas informou que o ocorrido "será apurado através de abertura imediata de processo de sindicância investigatória". O município acrescentou que "o prefeito também tomou a decisão de afastar a chefe de Distribuição da Secretaria Municipal de Educação e a nutricionista de suas funções, até que seja elucidada a total apuração do fato" (leia a nota na íntegra abaixo). Nota da Prefeitura de Mostardas Por determinação do prefeito, a administração municipal informa que o episódio do fornecimento de dois itens da merenda escolar fora do prazo de validade, será apurado através de abertura imediata de processo de Sindicância Investigatória. O prefeito também tomou a decisão de afastar a chefe de Distribuição da Secretaria Municipal de Educação e a nutricionista de suas funções, até que seja elucidada a total apuração do fato. Cabe salientar que a merenda ofertada nas escolas da rede municipal é de excelente qualidade, sempre com um variado cardápio, o que certamente pode ser confirmado com a comunidade escolar. A administração ressalta o compromisso com a transparência e zelo pela coisa pública e que as medidas se fazem necessárias para não dar margens a interpretações equivocadas. Assim que os fatos forem elucidados, informaremos a comunidade.
    Peões gaúchos fazem 'vestibular' da tradição

    Peões gaúchos fazem 'vestibular' da tradição


    Evento terá 54 concorrentes que disputarão o concurso em três modalidades: peão, guri e piá. Peões da gestão 2018/2019 Arquivo pessoal Mesmo sem recursos públicos do estado, a 31a Edição do Entrevero Cultural de Peões está confirmada para...


    Evento terá 54 concorrentes que disputarão o concurso em três modalidades: peão, guri e piá. Peões da gestão 2018/2019 Arquivo pessoal Mesmo sem recursos públicos do estado, a 31a Edição do Entrevero Cultural de Peões está confirmada para os dias 25, 26 e 27 de deste mês, em Rio Grande. São três categorias, divididas conforme a idade dos 54 candidatos: Peão, Guri e Piá. Antes de chegar na etapa estadual, os concorrentes disputaram o título de peão regional, nas 30 regiões do MTG. Para chegar lá, os três primeiros lugares, precisam demonstrar conhecimentos em artes gaúchas como dança e declamação, atividades campeiras e ainda realizar uma prova de conhecimentos, numa espécie de 'vestibular da tradição'. "O papel do Peão, Guri e Piá Farroupilha é personificar simbolicamente as mais genuínas características do homem gaúcho, servindo como referencia para os demais jovens tradicionalistas, de conduta, postura e respeito pelas tradições do Rio Grande do Sul", explica a vice-presidente de Cultura do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Mirelle de Faria Hugo. Como deu para perceber, é um evento essencialmente cultural para formar multiplicadores do gauchismo para todo o estado. Uma vez eleitos, os peões percorrem o estado realizando palestras, atividades sociais e organizando seminários de fomento à cultura gaúcha. "Além de trabalhar principalmente para valorizar o homem do campo, a gente também atua na área social, juntamente com as prendas. Fizemos, inclusive, uma ação no asilo Padre Cacique, em Porto Alegre, levando donativos", explica o atual Peão Farroupilha do estado, Mateus Louzada, de Rio Grande, anfitrião do concurso este ano. Foi para este evento que o cada vez mais questionado Conselho Estadual de Cultura negou R$ 85 mil em renúncia fiscal. O argumento é que o ambiente dos CTGs é preconceituoso - até o veto ao uso de brincos foi citado no relatório, e que o concurso proíbe a participação de candidatos casados e que tenham filhos. Confira a lista de concorrentes.
    Motorista perde controle do veículo e invade Orla do Guaíba, em Porto Alegre

    Motorista perde controle do veículo e invade Orla do Guaíba, em Porto Alegre


    Homem seguia pela Rua Déa Coufal e, ao tentar entrar na Avenida Guaíba, não conseguiu fazer a curva à esquerda e caiu na água. Motorista invadiu orla e caiu no Guaíba. Giancarlo Barzi/RBS TV Um motorista perdeu o controle do veículo e invadiu a...


    Homem seguia pela Rua Déa Coufal e, ao tentar entrar na Avenida Guaíba, não conseguiu fazer a curva à esquerda e caiu na água. Motorista invadiu orla e caiu no Guaíba. Giancarlo Barzi/RBS TV Um motorista perdeu o controle do veículo e invadiu a Orla do Guaíba, na madrugada desta quarta-feira (17), em Ipanema, em Porto Alegre. O homem seguia pela Rua Déa Coufal e, ao tentar entrar na Avenida Guaíba, não conseguiu fazer a curva à esquerda e seguiu em direção a areia. Ele quebrou uma barreira de contenção de barras de ferro entre a calçada e a orla e caiu na água. Um guincho foi chamado para retirar o veículo do Guaíba, e a Empresa Pública de Transporte e Circulação foi ao local. Ao G1, a EPTC comunicou que, quando foi acionada, o condutor do veículo não estava mais no local. Os agentes não souberam dizer o que motivou o acidente. Acidente aconteceu no início da manhã desta quarta-feira (17). Giancarlo Barzi/RBS TV

    Transporte público tem reforço em Porto Alegre para Gre-Nal da final do Gauchão na Arena


    Linha Especial Futebol circulará com 13 ônibus para atender torcedores do Grêmio. Serviço de táxi será ampliado, assim como o de lotação. Na saída do jogo, serão disponibilizados nove coletivos articulados. EPTC alerta para possíveis bloqueios...

    Linha Especial Futebol circulará com 13 ônibus para atender torcedores do Grêmio. Serviço de táxi será ampliado, assim como o de lotação. Na saída do jogo, serão disponibilizados nove coletivos articulados. EPTC alerta para possíveis bloqueios no entorno do estádio. Diogo Olivier conversa com locutores dos lances da dupla Gre-Nal A final do Gauchão entre Grêmio e Inter, na Arena, marcada para as 21h30 desta quarta-feira (17), vai contar com esquema especial de trânsito e ampliação no serviço de transporte coletivo. A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) alerta para possíveis bloqueios no entorno do estádio, na alça de acesso à BR-448. Esse bloqueio pode ocorrer duas horas antes da partida, mas também pode ser antecipado, se for necessário. O objetivo é a segurança dos torcedores. Haverá monitoramento da Brigada Militar, além da EPTC. São esperados quase 50 mil torcedores na Arena. O primeiro Gre-Nal da final foi disputado no Beira-Rio e terminou empatado em 0 a 0. Opções aos motoristas Os veículos em circulação pela A.J. Renner devem acessar a Av. Gilberto Lehnen para o estacionamento E2, ou pela Rua Airton Ferreira da Silva para acessar os demais estacionamentos. Após o jogo, quem estacionar no E1, com saída pelos portões 3, 4 e 5, e no E2, será direcionado obrigatoriamente para a BR-448, sentido Porto Alegre-Canoas, com possibilidade de retorno na Prainha de Paquetá. O deslocamento é de cerca de 4,5 km. Quem estacionar no E1, com saída pelos portões 1 e 2, será direcionado para a Av. Voluntários da Pátria. Transporte coletivo A linha Especial Futebol circulará com 13 ônibus para os torcedores do Grêmio, saindo do Largo Glênio Peres, no Centro Histórico, em direção à Arena, a partir de duas horas antes da partida. Os torcedores do Inter serão atendidos por ônibus com saída do estádio Beira-Rio. Na saída do jogo, serão disponibilizados nove ônibus articulados da Carris. 23 lotações estarão posicionadas na Av. Padre Leopoldo Brentano na saída do jogo. Torcedores que utilizarem o trem deverão desembarcar na estação Anchieta, cerca de 1,5 km da Arena. A estação Anchieta permanecerá aberta por uma hora após o fim da partida e de uma possível disputa por pênaltis. O serviço de táxi será reforçado, com embarque e desembarque embaixo do viaduto da BR-448. Esquema de segurança nas estações de trem Haverá operação integrada realizada pela Trensurb em parceria com o Comando de Policiamento Metropolitano, que vai acompanhar o deslocamento de torcidas organizadas. Conforme a empresa, líderes desses grupos receberam orientações, incluindo horários diferentes para o deslocamento de cada torcida. Os integrantes das organizadas também serão revistados por agentes da Brigada Militar antes do embarque. O mesmo esquema foi adotado no primeiro jogo da final. De acordo com a Trensurb, na ocasião, armas brancas e entorpecentes foram apreendidos pela Brigada Militar durante as revistas. Não foram registrados incidentes ou tumultos, e não houve ocorrência de dano ao patrimônio da empresa. A Trensurb recomenda que os usuários adquiram a passagem antecipada de ida e volta para agilizar o retorno. As catracas aceitam os cartões de bilhetagem eletrônica SIM, TRI e TEU.
    'É outra vida', diz mãe que obteve na Justiça o direito de plantar maconha medicinal para filha de 9 anos no RS

    'É outra vida', diz mãe que obteve na Justiça o direito de plantar maconha medicinal para filha de 9 anos no RS


    Caroline é portadora de síndrome de Dravet, tipo raro de epilepsia. Após começar tratamento com óleo de cannabis, ela deixou para trás a cadeira de rodas, as frequentes convulsões e as internações hospitalares que enfrentava. Caroline, de 9...


    Caroline é portadora de síndrome de Dravet, tipo raro de epilepsia. Após começar tratamento com óleo de cannabis, ela deixou para trás a cadeira de rodas, as frequentes convulsões e as internações hospitalares que enfrentava. Caroline, de 9 anos, e a mãe, Liane, sorrindo depois do início do tratamento com cannabidiol Arquivo pessoal Uma decisão judicial mudou a vida da pequena Caroline. Aos 9 anos, deixou para trás a cadeira de rodas que precisava para se locomover, e as frequentes convulsões e internações hospitalares que tinha de enfrentar. Tudo graças ao óleo de canabidiol que a mãe, a professora Liane Pereira, de 50 anos, fabrica em casa a partir da planta que obteve neste mês o direito de cultivar. A decisão é de 9 de abril, do juiz Roberto Coutinho Borba, da 4ª Vara Criminal de Canoas, Região Metropolitana de Porto Alegre. Liane ingressou na Justiça para poder plantar um tipo específico de maconha, após aprender a produzir o óleo que acaba com as crises de convulsão causadas pela síndrome de Dravet, forma rara de epilepsia, da qual Caroline é portadora. "É outra vida", diz Liane, aliviada com a melhora da filha. "Estávamos há um ano e dois meses sem por os pés no hospital, sendo que em um ano, passamos seis meses direto no hospital. Agora é curtir e ser feliz. Somos felizes vendo ela feliz no dia a dia", conta. Caroline teve a primeira crise de convulsão com 25 dias de vida. A partir de então, a enfermidade impediu a menina de ter uma infância normal. "Ela tinha de 50 a 60 crises convulsivas diárias. Teve dias em que, das 24 horas, ela passava 23 convulsionando”, conta Liane. Caroline realiza tratamento com óleo fabricado em casa a partir de Cannabis sativa Arquivo pessoal O desespero pelo estado de saúde da filha levou Liane a procurar um tratamento à base de cannabidiol. O medicamento, no entanto, é importado a um preço alto. A família chegou a fazer rifas, vaquinhas na internet e até mesmo retirar empréstimos bancários para bancar o produto. Embora tenha melhorado o estado da menina, o óleo importado não cessou completamente as crises. Ainda assim valia o esforço, e a família conseguiu na Justiça que o SUS bancasse o medicamento. Mas o embate judicial era árduo, e por muitos meses Caroline ficou sem o remédio do qual tanto precisava. "Conseguimos o repasse de aproximadamente seis meses de tratamento, durante três anos de processo. O Estado impunha muita burocracia, e no nosso entender, meios de procrastinar a decisão. Foi preciso bloquear as contas", afirma a advogada Bianca da Silva Uequed, que representou a família no processo. Em abril de 2017, Liane viu no Fantástico a história de uma família que também obteve na Justiça o direito de plantar maconha medicinal. Entrou em contato com eles, e foi a São Paulo para aprender a cultivar e fabricar o óleo, ainda sem ter ideia do quanto impactaria positivamente na vida da filha. "Não foi fácil. Eu cresci achando que maconha era uma droga e não dava para chegar perto. Primeiro tivemos que desmistificar dentro da gente", conta a mãe. A advogada da família explica que foi necessário fazer o plantio, ainda que de forma ilegal, para entrar com o pedido. Por isso, Liane tomou precauções para provar que tinha como única finalidade a melhora da filha. "Ela muniu-se de documentos antes, fez esses cursos, participou de muitos encontros de mães que precisavam de apoio do Estado, e já tinha essa outra ação judicial [que pedia o fornecimento do óleo importado]", explica Bianca. O óleo fabricado em casa era ainda melhor que o que era comprado a alto custo. "O medicamento importado deu melhora, mas não zerou as crises, e a partir do momento em que começamos a usar o nosso artesanal, as crises foram diminuindo até parar", celebra Liane. Presença de THC Caroline faz atividades que não seriam possível sem o uso do óleo de cannabidiol Arquivo pessoal O motivo da vantagem do óleo caseiro tem relação com um dos pontos mais polêmicos da discussão sobre o uso medicinal de maconha: a variedade da Cannabis sativa usada por Liane resulta em um óleo com uma pequena presença de tetraidrocanabinol (THC), princípio ativo da planta que causa efeitos psicoativos. Com base em laudo de especialistas em toxicologia de uma universidade gaúcha, usado no processo, a família garante que não há prejuízos para a saúde de Caroline. Pelo contrário, o THC, na proporção de 8%, é benéfico para a menina. "Já tem estudos sobre o Efeito Entourage, ou Efeito Comitiva, de que é necessário ter um pouco de THC. A própria Anvisa, quando tivemos a primeira autorização, em 2015, a Anvisa liberava só o CBD [cannabidiol], e hoje já inclui remédios à base de CBD com outros canabinoides", explica Liane. Decisão inédita no RS A decisão, 34ª do país nesse sentido, é inédita no Rio Grande do Sul, segundo a advogada da família. "Esperamos que abra portas para muitas crianças e adultos", diz Bianca. O juiz destacou que a família comprovou no processo a necessidade do plantio de maconha para que a menina melhorasse. "À luz de todos os argumentos apresentados, imperiosa a concessão da ordem, forma de evitar que a admirável luta dos pacientes pela saúde e felicidade de sua filha C. não seja interrompida pelo aparato de persecução estatal, fruto de uma legislação vetusta, em completo descompasso com os avanços da medicina", diz trecho da decisão. O Ministério Público havia dado parecer favorável ao pedido. O salvo-conduto concedido pelo magistrado tem duração de um ano, e depois precisa ser renovado dentro do mesmo processo. Para a alegria da pequena Caroline, que depois de nove anos de sofrimento, poderá ter uma infância apropriada.